sábado, 24 de abril de 2010

... e depois mimam-me, pá...

Com beijinhos e abraços e palavrinhas mansas, e que "gostamos tanto de si e cumprimos as regras e até vos ajudamos"... E eu que quero fazer papel de má e de "estou mesmo muito chateada e a partir de agora não há mimos pra ninguém", sou desiludida assim. Fico toda pinga amor e só me apetece dizer "vá lá, já passou".


Para ajudar, um casal veio ter comigo com um ar muito timido e segreda-me: "vamos ter um bebé e queríamos que fosse nossa madrinha de casamento, ali no notário. Mas é para ir com roupa normal. Aceita?"
Isto não se faz, pá. Assim não se consegue estar zangado!!!
E foi assim hoje, com os sem-abrigo.

5 comentários:

Vânia disse...

Eu n te conheço mas olha que simpatizo mesmo muito contigo. A tua forma de ser aqui escrita. Adoro. Sou tua fã.

BeijO*

Gonçalo disse...

Os meus olhos sorriram! Obrigado :)

Beijinho *;)

Raquel disse...

Vânia e Gonçalo: mais mimo? Olhem lá que se me habituo a isto... :D

Obrigada Vânia.
Obrigada eu, Gonçalo.

Beijinhos.

Mariana: Barbie is a bitch darling disse...

é bom ajudar os outros :)

bj

izzie disse...

Eu fiquei de lágrima no canto do olho.
Que momentos mais lindos!
Claro que teriam que ser teus! :)

Este fim-de-semana já me apanhaste fora da net. Mas o próximo ser for "dia" lá estarei. Dá uso ao meu número ;)

Beijinho,